Soundtrack: La Vie en Rose

Volta, que eu te compro alguns sonhos, mostro algumas das cartas que te escrevi, te abraço em silêncio e te levo jantar. Volta, que tem tanto filme que falta pra gente assistir, tanta música nova que eu conheci e acho a sua cara, tanta vida em mim que eu sonho em dividir com você.
Você precisa conhecer meus gatos, meus amigos, mas eu te poupo da família se você preferir. E tem também aquele café novo que abriu perto do restaurante na esquina e eu nunca consegui levar ninguém, porque aquele lugar já era nosso antes mesmo de ser. Então volta, e me olha de novo, que eu acho que ninguém nunca me olhou daquele jeito que só teu olhar rasgado e observador sabe ter.

Volta, mas fica, viu?

Promete que fica, e eu deixo o cabelo crescer de novo, tiro as mechas coloridas que você não gosta e tento ser menos chorona e desligada. Fica, que eu sou boazinha quando me apaixono ( sabe), aprendi a dirigir um pouco melhor e agora até sei cozinhar alguns pratos que minha mãe me ensinou (e eu vou pegar leve na pimenta, prometo). Desde aquela época nunca ninguém pegou o lugar que você ocupava, e eu até tentei matar o pedaço teu que mora em mim, mas acho que eu fui meio fraca para a tua lembrança forte demais.

Se você ficar eu vou sossegar, moço. Se você voltar, eu prometo que fico também.

Anúncios